UEUO regulariza situação e chamará eleição em 15 dias

As Atas relativas a quatro eleições estavam em posse do Cartório, sem regulamentação, impedindo novos pleitos

A União dos Estudantes Universitários de Olímpia-UEUO finalmente poderá realizar eleições para escolha de uma diretoria, após quatro anos de pendência jurídica. Desde 2009 que a instituição está sem poder realizar eleições por causa da não-aprovação das atas, sendo administrada de forma interina. A documentação registrada foi entregue na tarde de ontem pelo Cartório de Registros ao vice-presidente Paulo César Ferri.

“As atas de 2009, 2010, 2011 e 2012 agora estão legalizadas, normalizadas e devemos chamar as eleições o mais breve possível”, disse Ferri. O mandato da diretoria é de apenas um ano. Ou seja, os eleitos em 2015 ficam, até a 1ª quinzena de dezembro, quando novas eleições serão convocadas para a diretoria-2016. “A partir de agora cessam todos os problemas administrativos e judiciais” da entidade, enfatiza Paulo Ferri.

Os problemas administrativos das UEUO só puderam ser resolvidos mediante ações judiciais. “Veremos agora com o Setor Jurídico para quando poderemos convocar as eleições. Nós tínhamos prazo, a partir do final de abril, quando saiu a decisão a nosso favor, de 45 dias para realizar eleição. Por isso acredito que na semana que vem já estaremos iniciando os preparativos para a disputa”, estima Ferri.

A entidade deve terminar o pagamento do repasse do mês de novembro no dia de hoje, conforme a programação, e para 2015 os repasses dependem de uma manifestação do Tribunal de Contas do Estado-TCE, que está analisando as contas de 2014. Assim que aquele órgão der o parecer, o vice-presidente disse que fará o pedido de depósito ao Executivo Municipal, para repassar as cotas do bolsa-auxilio referentes aos meses de março, abril e maio.

A propósito, para este ano o valor do Orçamento destinado à UEUO está estimado em R$ 233.200. Para o ano que vem, deverá crescer um pouco, indo para R$ 243.700, ou 4,5% a mais.

Comentários