Secretário responde a vereador sobre carro na ‘balada’

Polêmica surgiu na internet, quando o fotógrafo Walthinho Silva publicou foto do carro próximo ao local de uma festa

O secretário municipal de Turismo, Humberto José Puttini, respondeu esta semana a requerimento formulado pelo vereador Marco Antônio Parolim de Carvalho, o Marcão Coca (PPS) assinado por outros três colegas – Leonardo Simões (SD), Paulo Roberto Poleselli de Souza (PR) e Luiz Antônio Ribeiro-Luiz do Ovo (DEM)-, no qual solicitava informações a respeito do carro oficial da Secretaria de Turismo fotografado próximo ao local de uma balada, na zona rural. O assunto gerou grande polêmica na semana passada e ainda hoje repercute junto à opinião pública.

Houve até o registro de Boletim de Ocorrência registrado por Coca na Delegacia contra Walthinho Silva, autor da foto e da denúncia em sua página no Facebook, mas diz o vereador que foi por ter sido chamado, junto com seus colegas de Câmara, de “vereador frouxo”. Silva, por sua vez, encaminhou denúncia ao Ministério Público sobre o caso. Hilário Ruiz, vereador do PT, disse que também tinha requerimento de informações protocolado, mas como está em viagem, não foi possível apurar se ele também havia recebido a resposta.

A foto foi feita na madrugada de domingo, dia 5 de julho, e depois postada no Face de Walthinho Silva, gerando dezenas de comentários, todos criticando a cena e a possibilidade de um funcionário estar no local usando o veículo de trabalho, além de diversos compartilhamentos. Após Coca fazer seu BO contra o fotógrafo, nova postagem foi feita desta atitude do vereador, e mais comentários negativos foram também postados, em defesa de Silva e contra o vereador.

No BO, registrado no dia 9, Marco Coca reclama da postagem de Silva com o seguinte teor: “Vereadores de Olímpia vocês são uma cambada de frouxos (...), cambada de vereadores frouxos, precisamos olhar mais para a Câmara Municipal de Olímpia, não tem saído nada de lá que nos ajude”. Ele disse ter se sentido ofendido, considerando violada sua reputação perante a sociedade e no tocante sua honra subjetiva (...). Silva, por sua vez, divulgou cópia da denúncia feita ao Ministério Público, junto à Ouvidoria do órgão, anexando a cópia da foto do carro.

A RESPOSTA
A resposta ao requerimento de Coca, protocolado no dia 7 de julho, é datada do dia 13 de julho. O vereador pergunta se o carro em questão, de placas FER 6572 pertence à Secretaria, quem utilizava o veículo na noite em que foi fotografado, por que da utilização do referido veículo naquele horário.

O secretário Puttini confirma que o carro pertence à Secretaria, e que “o servidor de carreira, Rodrigo César Marini, lotado no cargo de Administrador Público, designado como Diretor de Suporte aos Atrativos Turísticos esteve nas imediações da pousada e/ou chácara que foi realizado o evento, no dia 4 de julho, realizando diligências a pedido deste Secretário, uma vez que recebemos por parte de proprietários solicitações para averiguar transtornos que o evento poderia estar causando, incômodos aos hóspedes daquelas imediações, ou seja, perturbação de sossego e transtorno na via pública com tráfego de veículos, dificultando o acesso dos hóspedes até os hotéis e pousadas e aos moradores daquela região”.

Dia ainda o secretário que “o veiculo utilizado para o acesso do servidor público municipal até o local fica à disposição desta Secretaria para qualquer tipo de ação, averiguação e constatação, independente de horário. Mas é eficaz frisar que o horário se deve ao momento da realização do evento, e que o servidor não esteve presente no evento descrito como ‘Costelada Pantaneira’”.

Consta ainda do ofício o seguinte trecho: “Para maiores esclarecimentos, gostaria de informar que este secretário de fato esteve no evento, porém, utilizando veículo particular, de marca Mercedez Bens, modelo B200, da cor prata, o que pode ser constatado pelos realizadores do evento e por diversas pessoas que permaneciam no local”.

Comentários