Residência em Medicina Geral de Família já é realidade

O Ministério da Educação e Cultura-MEC aprovou o credenciamento da Residência em Medicina Geral de Família e Comunidade no Município da Estância Turística de Olímpia, em parceria com a União das Faculdades dos Grandes Lagos-Unilago. A apresentação do cartaz e o sistema para inscrição para o processo seletivo dos médicos interessados forão divulgados nesta terça-feira, dia 26 de janeiro, às 10 horas, na Prefeitura Municipal, com as participações do Prefeito Geninho Zuliani, da Secretária da Saúde Silvia Forti Storti, do Professor-Doutor Edmo Gabriel Atique e demais professores da Unilago.

As conversas entre o município e a Unilago tiveram início em novembro do ano passado, quando esteve em Olímpia um avaliador do Ministério da Educação e Cultura-MEC, colhendo dados e informações visando analisar e emitir parecer sobre a pretendida intenção do município

Trazer a Residência em Medicina para Olímpia é um sonho confesso da Secretária Municipal de Saúde, Silvia Forti Storti. “Os recém-formados vão vivenciar a realidade do município, criar vínculos e podem acabar ficando por aqui após o ano de Residência”, acredita a Secretária.

Além do que, Olímpia aprofundará a parceria existente com a União das Faculdades dos Grandes Lagos – Unilago, e a possibilidade de  transformar a Santa Casa em hospital-escola. O MEC aprovou o projeto e agora passa para a fase de inscrições de médicos formados interessados. “Olímpia vai passar por uma revolução na área médica”, avalia a Secretária.

“A residência médica só era solicitada pelas universidades, mas agora o Ministério da Educação e o Ministério da Saúde flexibilizaram o programa para que os municípios também possam solicitar a residência, isso porque a partir de 2019 todo o aluno que se formar em Medicina, obrigatoriamente terá que passar por um ano em Medicina da Família e Comunidade. E isso vai fazer com que se precise de mais vagas. Por isso que já estão ampliando as vagas para que, em 2019, possam receber todo este contingente enorme do Brasil todo”, explica Silvia Forti.

“Diante disso, como entendemos que o município de Olímpia preenche todos os requisitos para pleitear esta Residência Médica, e como a Unilago já é parceira com seus alunos do terceiro e quarto anos da Graduação em Medicina, que fazem estágio nas UBS’s, UPA e Santa Casa, tivemos uma conversa com o Coordenador do Curso de Medicina da Unilago, Edmo Gabriel, para saber se tinham interesse em ampliar esta parceria. E como eles manifestaram grande interesse em que Olímpia encabeçasse este processo, conjuntamente iniciamos todo o processo de credenciamento junto ao Ministério da Educação e Ministério da Saúde”, prosseguiu a Secretária.

A visita do avaliador teve o objetivo de colher dados técnicos sobre o setor, analisar o Projeto Pedagógico e toda proposta de organização. As exigências foram minuciosas, mas Olímpia recebeu o “ok” do MEC.

COMO SERÁ E QUAIS AS VANTAGENS PARA O MUNICÍPIO, DE ACORDO COM A SECRETÁRIA DA SAÚDE:

COMPLEMENTO NA FORMAÇÃO

A parceria com a Unilago envolve duas frentes diferentes. A primeira é a parceria já existente com a Unilago para o estágio em Graduação que vem ocorrendo nas Unidades de Saúde. Agora estamos ampliando a parceria através da Residência Médica. Não são alunos, são médicos formados, com CRM, que virão fazer a Residência Médica em Saúde da Família. Então, os médicos passarão a atuar nas Unidades Básicas de Saúde, UPA, ARE (Ambulatório de Referência e Especialidades), para que tenham todo um complemento na sua formação.

Todo médico tem seis anos de estudos para se formar. Já sai apto a fazer qualquer tipo de procedimento - cirurgia, clínica, etc. Dependendo da especialização que ele quiser seguir, ele faz uma prova para Residência, ou para ser especialista em Saúde da Família, ou cirurgião, ou neuro, etc.

A partir de 2019, a todos que se formarem será obrigatório passar um ano na Saúde da Família. Só depois irão fazer a Residência na área que tiver interesse, ou continuar na Saúde da Família. Portanto, serão médicos formados que estarão fazendo especialização em Saúde da Família.

PROCESSO SELETIVO EM FEVEREIRO

A Unilago estará providenciando o processo seletivo em fevereiro. As inscrições vão até 18 de fevereiro, e as provas serão realizadas no dia 20 de fevereiro. Mais informações no site www.unilago.com.br/residenciamedica e também site da Prefeitura Municipal da Estância Turística de Olímpia, http://www.olimpia.sp.gov.br/ .

Comentários