Região central terá mais seis semáforos

A Progresso e Desenvolvimento Municipal-Prodem tem projeto para implantar pelo menos mais seis semáforos na região central da cidade ainda este ano. O diretor-presidente da empresa, engenheiro Amaury Hernandes, não revela os locais. Mas dois prováveis pontos seriam as esquinas da Aurora Forti Neves com David de Oliveira e Rua Síria com Deputado Waldemar Lopes Ferraz.

Hernandes rebateu as críticas quanto aos equipamentos já instalados, que muitos olimpienses entendem terem sido desnecessários em determinados locais. “Não concordo (com as críticas), porque foram instalados após análise criteriosa”, respondeu. “Se disserem que faltam (semáforos), concordo. Mas estes que foram colocados é apenas uma parte deles. Queremos colocar dez, hoje só temos em quatro cruzamentos”, disse.

“Esperamos este ano, com o superávit da Prodem, colocar mais. Vamos ver o que é possível fazer em relação ao trânsito com o dinheiro que sobrará da Prodem. Existe necessidade de fazer mais, a cidade precisa melhorar, precisa ter mais semáforo”, enfatiza.

Devido aos estrangulamentos havidos no trânsito da cidade neste início do ano, devido à alta temporada turística, Hernandes diz ser necessário um estudo de fluidez e segurança mais detalhado. A primeira preocupação é a rotatória da Aurora Forti Neves com Constitucionalistas de 32. “Estamos estudando alterações no local para melhorar a fluidez e a segurança”, informa.

Hernandes adianta que “este mês virá uma empresa de São Paulo para fazer uma verificação de velocidade e densidade média das vias. Vamos instalar um equipamento, é um radar, mas não estará autuando ninguém, só vai medir velocidade, tipo de veículo, velocidade média, quantidade, para termos noção exata de quantos veículos passam naquela via e a quanto por hora”, explica.

Os equipamentos serão instalados nas principais vias da cidade. “Vamos definir ainda onde, elaborar projeto para depois ver o que se deve fazer naquela via pesquisada. Vamos ter exatamente o perfil da via. Quantos veículos, quais, qual velocidade etc”, complementa.

SEMÁFOROS
Quanto aos semáforos propriamente ditos, Hernandes diz apenas que seriam pelo menos seis na área central. Mas, diz “não ser adequado” revelar os locais por enquanto. “Já fizemos estudos dos locais de maior índice de acidentes, temos os dados da PM para monitorar. Com base neles, podemos até mudar o local. Mas, basicamente, serão na área central”, garante. No tocante aos dois pontos reclamados – Síria com Deputado e David com Aurora -, diz serem locais que “serão objeto de estudo, de análise mais criteriosa”.

Comentários