Olímpia registrou quase 50 partos por mês em 2012

Isso representa mais de 1,5 criança/dia; somados todos os partos, seriam 76 crianças por mês, ou 2,5 por dia

 

O município de Olímpia registrou no ano passado, o nascimento de nada menos que 914 crianças, seja por parto natural ou cesareano. Todos eles na Santa Casa de Misericórdia de Olímpia, porém nem todos filhos de famílias olimpienses. Isso dá uma média de 76 nascimentos por mês, ou 2,5 por dia. O bebês natos nascidos naquele hospital somaram 571 no ano passado, o que dá uma média de 47,58 nascimentos por mês, ou 1,58 por dia.

Segundo dados colhidos junto à Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Setor de Vigilância em Saúde, foram feitos no ano passado, 195 partos vaginais e 719 partos cesáreos. Nasceram mais homens que mulheres na cidade em 2012: 466 homens, contra 448 mulheres.

Em Olímpia nascem também crianças da micro e da macrorregião, cujos números estão incluídos na somatória total. Foram 32 de Altair, uma de Barretos, uma de Bebedouro, 28 de Cajobi, uma de Fernandópolis, uma de Guapiaçu, uma de Icém, 100 de Guaraci, 571 de Olimpia, uma de Paulo de Faria, uma de São José do Rio Preto e 176 de Severínia.

Mas, mães olimpienses também dão à luz em outras localidades, exemplos de Barretos, onde nasceram 11 cidadãos olimpienses, Bebedouro, onde nasceu um, Colina, onde duas mães deram à luz, Indiaporã, Lins e Ribeirão Preto, com um nascimento cada, São José do Rio Preto, onde nada menos que 100 olimpienses nasceram, e São Paulo, com dois partos.

No caso de Rio Preto, a Saúde informa ser o número alto em virtude de mães que fazem o parto lá devido a convênios médicos que possuem, a maioria Unimed.

Comentários