Motorista colide em dois caminhões

Fonte: http://www.olimpia24horas.com.br/

Por volta das 20h30 da noite do último domingo, 1º de Maio, um acidente aparentemente grave envolvendo dois caminhões canavieiros e um Renault Logan de cor prata com placas da cidade de Mirassol,preocupou motoristas, bombeiros e socorristas no local e que passavam na rodovia logo após as colisões. Segundo o que apuramos, o acidente ocorreu na Rodovia Assis ChateauabriandKm 154, no trecho entre o trevo da Usina Guarani e o Trevo de Baguaçú.

Consta que o motorista do Logan seguia no sentido Olímpia - São José do Rio Preto quando foi fazer uma ultrapassagem em outro caminhão. Como no local existe a terceira faixa, mas para quem segue no sentido contrário, ou seja, de São José do Rio Preto - Olímpia, um caminhão saiu para ultrapassar outro que seguia no mesmo sentido, Rio Preto - Olímpia. No meio da ultrapassagem, o motorista do caminhão que ultrapassava deu de cara, segundo ele mesmo nos contou, com o Logan usando a faixa que seria preferencial para quem subia no caso o caminhoneiro.

Esse primeiro caminhão, com uma manobra arriscada do motorista, conseguiu desviar o bastante para não bater de frente com o Logan, o que seria fatalmente uma tragédia. Mesmo assim, o carro ainda resvalou na lateral esquerda do caminhão. Na sequencia, o carro já desgovernado acabou atingindo também a lateral do outro caminhão que subia e que era ultrapassado pelo primeiro. O segundo motorista também conseguiu desviar, mas mais uma vez o carro atingiu apenas a lateral esquerda do segundo caminhão. Ambos os caminhões sofreram danos de pequena monta. Mesma sorte não teve o motorista do carro identificado como Bruno Augusto Reis Silva, 27 anos. Após resvalar nas laterais dos dois caminhões, o Renault Logan ficou praticamente todo destruído e retorcido.

No carro viajavam três pessoas, marido, esposa e filho. Consta que o motorista Bruno sofreu ferimentos na testa e foi socorrido em estado de choque, mas consciente. Ele até tentava colaborar com os socorristas, no entanto não conseguia se lembrar de muita coisa, parecia acometido de uma amnésia. Consta que aparentemente Bruno não sofreu nenhuma fratura ou ferimento grave. Já a esposa de BrunoMariana Boff de Figueiredo, 20 anos, sofreu ferimentos, mas segundo informações ela não corre risco de morte. Inclusive, socorrida até a UPA, foi encaminhada para a Clínica do Dr. Horácio onde passou por uma tomografia, segundo informações, apenas para confirmar se está mesmo tudo bem com ela.

Já o filho do casal, Joaquim Figueiredo Silva, de apenas 4 anos de idade, estava regularmente sentado na cadeirinha,  não sofreu ferimentos, ficou apenas no susto mesmo. Pai e filho foram socorridos pelos Bombeiros de Olímpia até o PS Unimed. Já a esposa de BrunoMariana, foi socorrida por uma equipe do SAMU de Olímpia e levada para a UPA.

Pelo Corpo de Bombeiros de Olímpia esteve no local prestando socorro à equipe formada pelo Sgt Obrigon, Cb Djalma, Cb Beloni e Bombeiros Morelo e Junior. Já pelo SAMU de Olímpia estiveram no local os socorristas Brandina e Ademir. Eles contaram com o apoio de socorristas do SAMU de São José do Rio Preto que também foram prestar socorro no local.

Os dois motoristas dos dois caminhões nada sofreram e estavam no local apenas assustados com o ocorrido. Funcionários do DER também estiveram apoiando e sinalizando no local.

 

 

 

 

Comentários