Moradores reclamam de buracos abertos há mais de mês

Moradores do bairro Morada Verde reclamaram essa semana a reportagem do Planeta News, alegando descaso da Daemo Ambiental que abriu, na rua Abraão Najen Aidar, mais de um quarteirão de valetas para instalação de galerias pluviais, e não taparam devidamente, somente colocando terra e pedras.

Segundo os moradores, as pedras se espalharam pelo restante do asfalto, fazendo assim, que diversos motoqueiros derrapem quando por ali passam. “É constante os tombos de motoqueiros que passam por aqui, isso virou um sabão”, disse uma das moradoras.

Reclamam ainda, que por terem colocado terra e não o asfalto, esta causa muita poeira e invade as casas. “É impossível manter a casa limpa, sem falar nos problemas respiratórios que causa as crianças, e nem jogar água na rua podemos com o preço que está, e eles (Daemo) nem isso fizeram por nós. Custava mandar um caminhão para molhar a rua e acabar com essa sujeira? Mas, só aparecem aqui em época de eleição", desabafou a moradora.

Outra reclamação feita pelos moradores foi da falta de limpeza em quarentas terrenos, que consta ser de um único proprietário, em área considerada comercial e está com mato alto e sem calçada. “Se não fazemos calçada recebemos notificação e até multa, e como a prefeitura não fiscaliza o proprietário desses terrenos, será que é porque são amigos?”, completou.

A reportagem do jornal Planeta News, tentou localizar o superintendente da Daemo Ambiental, Alaor Tosto do Amaral, na manhã de ontem, e foi informado que o mesmo não se encontrava na autarquia, e até o fechamento desta edição o superintendente não retornou a ligação.

 

Comentários