Eleições 2012 terão 21 partidos regularizados

Até o último dia para legalizar legendas, somente cinco estavam sem atualização

 

 

 

As eleições municipais do ano que vem poderiam ter até 21 candidatos a prefeito caso os detentores das siglas se dispusessem a isso. Mas, como geralmente estas agremiações são usadas como moeda de troca, elas virão, em sua maioria, engrossar as coligações de candidaturas e partidos majoritários. Em Olímpia, hoje, somente PCB, PCO, PSol, PSTU e PV estariam fora da disputa, por não terem atualizado suas comissões provisórias.

Estão aptos para o pleito de 7 de outubro Partido Social Democrático-PSD-55, a agremiação partidária recém-criada pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, que em Olímpia tem como presidente Fernando Roberto da Silva, ex-chefe de Gabinete da Câmara, quando era presidente da Casa o vereador petista Hilário Ruiz. O

 

Partido Popular Socialista-PPS-23, tem como presidente o engenheiro ex-vereador Marco Antonio Parolim de Carvalho, o Marco Coca, que o reabilitou no mês passado.

O advogado e ex-vereador Antonio Martins Correia seria o mais novo comunista olimpiense, uma vez que está à frente do Partido Comunista do Brasil-PCdoB-65, como presidente. O Partido Humanista da Solidariedade-PHS-31, que estava inativo, volta à ativa pelas mãos do advogado Aldo Puttini Filho, pai do vereador licenciado Beto Puttini.

 

O Partido da Mobilização Nacional-PMN-33 tem como presidente Fabiano Garcia Trinca, e como tesoureiro o ex-vereador Hélio de Sousa Pereira. O Partido Republicano Progressista-PRP-44, tem como presidente o secretário de Governo da prefeitura de Olímpia, Paulo Roberto Marcondes. O diretor-presidente da Prodem, Vivaldo Mendes Vieira, é o tesoureiro; Silvana Marcondes, esposa de Paulo, é a secretária e o funcionário público Santo Palmiro de Carvalho, o vogal.

 

O Partido Renovador Trabalhista Brasileiro-PRTB-28 tem como presidente o ex-bancário Lupércio Bonin; José Carlos Seno Júnior, que foi candidato a vice-prefeito do pevista Walter Gonzalis, nas eleições de 2008, é seu vice-presidente. O Partido Socialista Brasileiro-PSB-40, antes nas mãos do médico e ex vice-prefeito Nilton Martinez, agora está nas mãos do vereador Guto Zanette, que é seu presidente.

 

Caio Augusto dos Santos Longhi, atual funcionário comissionado na Câmara como assessor de Zanette é o secretário de finanças; Murilo Lucas Garcez Novais, também nomeado na Câmara como assessor de Zanette, é o secretário-geral. O Partido Social Liberal-PSL-17, tem como presidente Leandro Marcelo dos Santos, o “Marcelo da Branca”. Já o Partido Verde-PV, até então dirigido por Walter Gonzalis, que se filiou ao PT, consta como inativo no TSE, e será desativado oficialmente em 1º de novembro.

Comentários