Vereador Helio Lisse diz que CEI do Salata não foi arquivada por falta de relatório 

Para ele a prorrogação de prazo era imprescindível para completar a investigação de acordo com a norma legal

Vereador Hélio Lisse

  A proposito de matéria publicada na edição passada do Planeta News, o vereador Helio Lisse Jr., membro e relator da comissão de investigação, encaminhou a versão que segue para esclarecer os reais motivos do arquivamento do processo.

            “CEI do Salata não foi arquivada por falta de relatório”, afirma o vereador Helio Lisse Junior.

            O vereador, membro e relator da comissão, afirmou que o arquivamento se deu “por  falta de aprovação de seu pedido para dilação de prazo”.

            “Anteriormente, quando do recesso parlamentar legislativos, o vereador-relator já havia solicitado a interrupção do prazo para evitar a prescrição e extinção da CEI”, reafirma Lisse.

            Alega o vereador que quando lhe foi dado vista dos autos, para oferecimento do relatório final, “as investigações ainda estavam em andamento com pendências importantes e itens processuais igualmente de suma importância para e que precisavam ser concluídos”.

         “Havia necessidade de marcar a oitiva do vereador Salata, deferida pelo presidente da CEI, sob pena de cerceamento do amplo direito de defesa garantido pela constituição Federal” – acrescente Helio Lisse.

         “A prorrogação não foi aprovada por 5 votos contra  e 4 a favor da extensão do prazo” - esclareceu o vereador.

         Lisse afirmou que “não foi por falta de relatório que se deu o arquivamento” e que a afirmativa “não condiz com a realidade dos fatos”, haja vista o despacho por ele exarado nos autos apontando as falhas e necessidades indispensáveis para que o processo estivesse completamente saneado, para evitar nulidades, procedimento com o qual tem afinidade em virtude de sua experiência profissional quando presidia inquéritos.

           Helio Lisse, de forma elegante, lamenta apenas que queiram atribuir a ele situações que não causou.

                                   

Comentários