Governo não explica ‘Café da manhã’ da Daemo

Decisão por não responder a questionamento do Planeta News foi deliberada, uma vez que outras questões, sobre outro setor, no mesmo e-mail, foram respondidas

Um Aviso de Licitação publicado na edição de terça-feira passada do Diário Oficial Eletrônico da prefeitura de Olímpia, tendo como órgão licitante a Superintendência de Água, Esgoto e Meio Ambiente de Olímpia, a Daemo Ambiental, causou estranheza esta semana. Trata-se do Pregão Presencial Registro de Preços nº 23/2017-PA-41/2017, que tem como objeto a “contratação de empresa para fornecimento de gêneros alimentícios, para café da manhã oferecido diariamente aos funcionários desta autarquia e coffee breaks em palestras, curso, seminários e reuniões”.

O Planeta News, com a finalidade de esclarecer a opinião sobre do que exatamente se trata este “café da manhã” e se nos demais setores também os funcionários tomam café nas repartições, ou se essa determinação é exclusiva da Superintendência, encaminhou, como sempre faz, e-mail para a assessoria de imprensa do prefeito Fernando Cunha (PR), mas não obteve resposta até o fechamento desta edição.

E a decisão por não responder ao questionamento do jornal foi deliberada, uma vez que outras questões, sobre outro setor, encaminhadas no mesmo e-mail, foram respondidas. No edital consta que a abertura dos envelopes será feita no dia 29 de setembro, às 14h30, e que o edital completo pode ser retirado na própria Daemo. Não consta valores de base na publicação.

O e-mail encaminhado à assessoria e não respondido tem o seguinte teor: “A Superintendência acaba de publicar edital de licitação na modalidade pregão presencial onde prevê a aquisição de gêneros alimentícios "para café da manhã oferecido diariamente aos funcionários desta autarquia", além de uso em reuniões diversas.

1 - Somente a Daemo Ambiental fornece café da manhã a seus funcionários?; 2 - Este café é servido em todos os setores e a todos os níveis de funcionários, ou há restrições?; 3 - Qual o orçamento disponível para tal aquisição, seja anual, mensal ou semanal?; 4 - Esta alimentação matinal segue algum princípio técnico de trabalho, ou é só uma benesse concedida pela superintendência a seu quadro de funcionários?; 5 - Por que outros setores do governo não possuem este mesmo critério de tratamento?; 6 - Se possuem, quais são?; 7 - E, da mesma forma, fica valendo para os que fornecerem, as questões de 2 a 4.”

Comentários